Nascemos no ano 1918 na Amazónia peruana, junto ao rio Madre de Deus. O grito dos povos autóctones não deixou indiferente a Monsenhor Ramón Zubieta, nosso fundador, que com grande audácia missionária se introduziu no coração da selva e descobriu as urgentes necessidades da população e as injustiças que sofria por quem explorava a borracha.

Monsenhor Zubieta confia no poder transformador da mulher quando bem informada e a sua dignidade assumida, impregnado por este desejo viaja a Espanha e convida Irmãs Dominicanas a acompanhá-lo nesta Missão. Madre Ascensión Nicol junto com outras irmãs responde a este convite e são as primeiras mulheres que se aventuram a entrar na selva peruana. Foi ali em contacto com as mulheres e crianças, partilhando a sua vida e educando que descobrem a sua nova vocação de missionárias

Em 1918 nasce a nova Congregação, fruto do Espírito, do esforço, e do amor que viveram os nossos fundadores pelos povos originários, de maneira especial pelas mulheres  e pela luta pela sua dignificação.

Desde o rio Madre de Deus brota até à China a vitalidade do nosso Carisma. Logo fomo-nos alargando por diversas latitudes tendo como única intenção partilhar as nossas vidas e acompanhar os processos de desenvolvimento dos mais empobrecidos.

Share
Share